Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2010

A Cruz Vermelha e o Crescente Vermelho

Imagem
Na cidade de Genève situa-se um dos museus mais tocantes e interessantes que já visitei: o Museu da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho. É pouco conhecido. Não faz parte dos circuitos turísticos. No entanto, eu aconselho a visita. Seguramente, sairemos deste museu com mais conhecimentos e humanamente mais ricos.



(Os símbolos da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho)


Como é sabido, a Cruz Vermelha foi criada em 1863, por Henry Dunant. Em 1919, associa-se ao Crescente Vermelho para, em conjunto, criar uma organização internacional que se baseia no trabalho de quase 100 milhões de voluntários. O seu objectivo é proteger a vida e a saúde humana, e aliviar o sofrimento humano, sem discriminação resultante da nacionalidade, da raça, do sexo, da crença religiosa, das opiniões políticas ou da classe social.



(A memória de Henry Dunant)


Logo à entrada do Museu, somos recebidos pelas palavras de Henry Dunant, que nos questionam directamente sobre a nossa responsabilidade global:  "Chacun est …

As Nações Unidas

Imagem
No ano de 2008, por razões que se prenderam em partes iguais com o trabalho e com o lazer, visitei as duas sedes das Nações Unidas, a de Genève, na Suiça, e a de Nova Iorque, nos Estados Unidos da América. Foram visitas muito interessantes, porque me permitiram compreender melhor o papel da Organização das Nações Unidas no mundo.



(Entrada do Palácio das Nações em Genève. Há sempre aí manifestantes, 
a favor de qualquer causa) 


A sede da organização em Genève tem o nome de Palácio das Nações e foi construída em 1929, para sede da então chamada Sociedade das Nações, fundada após a Primeira Guerra Mundial. Quando a Sociedade das Nações foi dissolvida, o edifício tornou-se a sede da recém-criada Organização das Nações Unidas. É um edifício belíssimo, ao estilo Art Déco dos anos 20, com salas pintadas por grandes artistas da época. 



(Vista sobre o Parque, vendo-se a seta de titânio doada pela URSS)


O jardim, chamado Parc des Nations, foi decorado com esculturas monumentais doadas por vários paí…